sexta-feira, 15 de junho de 2012

As nossas mãos



Para tocar os teus segredos
eu percorro caminhos com as tuas mãos
É quando caminho
que minhas mãos te soletram meus poemas
E de mãos dadas, com ventos de feição, nos vamos construindo.

PM

1 comentário:

Leonardo B. disse...

[passo a passo, fracção a fracção

o caminho,
na palma da mão.]

um imenso abraço, Petra

Leonardo B.